Etimologia de Chocolate

Encontre sua denominação original em xocoatl, no auge do império asteca, na língua nahuatl, ainda vigente em muitas comunidades do território mexicano. É construído a partir de xoco, entendido como amargo ou azedo, e atl, em referência à água. A receita do povo asteca seria dada pela fusão dos grãos cacahóatl (cacau) e póchotl (ceiba) em água fria ou temperatura natural. Outra versão polêmica, e amplamente aceita, se refere a chocolatl, formado a partir de choco, por chocoxtic, indicando a cor marrom-amarelado característico do própio café, no lugar de se referir ao sabor, e a seguir atl, como já observado, por água.

A árvore, fonte do cacau, tem o nome de Theobroma (gênero) Cacau (especificação) L. (inicial que homenageia seu descobridor, no caso o naturalista Carlos Linneo), cujo significado é lido como "alimento dos deuses". Seu sabor amargo seria balanceado com o açúcar pela cultura hispano-européia, onde chegaria no século XVI, e no final do século XVII tomaria a forma sólida em barra como doce. É uma herança linguística que se manteve como tal em numerosas línguas.

Buscador